Todos sabem que mais de 70% das intenções de compra dos sites de e-commerce acabam com os carrinhos abandonados cheios ou até mesmo vazios.

É gente que entra lá para comparar preços, para saber o preço do frete, para tentar comprar, mas acaba ficando em dúvida se leva ou não, se é confiável ou não.

E aí ? Como fazer para este povo não se evadir sem levar nada ? Muitas alternativas tem sido tentadas. Aquele e-mail que você recebe 30 minutos depois pedindo para você confirmar a compra abandonada, aquele banner de “temos em outra cor, você não gostaria de ver?”, aquele chat convencional com alguém lá dizendo “posso lhe ajudar ?”.


Mas, de que adianta um e-mail se eu já saí mesmo do site ? Ou de que adianta um banner oferecendo outra cor se eu vou fechar o banner achando que é só mais um pop-up chato. Ou de que adianta um chat se quando eu clicar lá eu vou receber a mensagem de “nosso horário de atendimento é das 8:00 hs até as 22:00 hs” ? (e agora são 22:01 hs.... buá, buá... agora só amanhã mesmo...)

Pensando nisso estamos propondo que você use um servicebot. Isso mesmo. Não um chatbot para responder perguntas, mas um servicebot que faça o “corpo-a-corpo” com o cliente como se fosse um chat convencional, só que 24x7, sem férias, sem falta de ânimo depois de 6 horas exaustivas de atendimento, sem nervosismo, sem chateação...

Mas, tem que ser um servicebot que interaja ! Ativo ! Que tente quebrar as objeções, que ofereça algum benefício que faça sentido naquela hora para aquele cliente. Tudo sob medida. Uma conversa personalizada para aquele cliente. Para você. Para aquela compra.

Isto é possível. Sim. Hoje já é. Pense nesta alternativa.